CompararComparando...

Programa ambiental da Klabin preserva espécies da fauna e da flora em Santa Catarina

Lendo Agora
Programa ambiental da Klabin preserva espécies da fauna e da flora em Santa Catarina

Klabin, maior produtora e exportadora de papéis do Brasil e líder nos segmentos de embalagens, papelão ondulado e sacos industriais, mantém programas de monitoramento ambiental da fauna silvestre há 14 anos em Santa Catarina e, durante este período, já identificou 358 espécies da fauna regional.

Criado para gerar informações sobre a fauna presente nas florestas da Klabin em SC, o projeto é realizado nas Áreas de Alto Valor para Conservação (AAVCs) da empresa no estado. A companhia monitora mais de 11 mil hectares distribuídos em 12 fazendas que incluem os munícipios de Otacílio Costa, Capão Alto, Painel, Rio Rufino, Bocaina do Sul, Urupema, Urubici, Santa Cecília, Ponte Alta do Norte, Curitibanos, Bom Retiro, Petrolândia, Agrolândia e Chapadão do Lajeado.

O programa também contribui com a preservação da mastofauna e avifauna, conjuntos de mamíferos e aves que habitam a região. As informações sobre a presença das espécies encontradas durante as atividades de monitoramento, coletadas por meio de armadilhas fotográficas, registros visuais e auditivos, auxiliam na proteção das mesmas. Ao compreender a biodiversidade, foi possível criar métodos e avaliações sobre a qualidade, recuperação e manutenção ambiental, o que permite à empresa garantir os melhores padrões de sustentabilidade destas áreas. Nesses anos de estudos, já foi possível identificar cerca de 42 mamíferos, sendo 39 com risco de extinção e, 298 aves, sendo 278 com o mesmo risco.

Além de ajudar no manejo dos fluxos florestais e operacionais, o projeto é uma importante referência em informações, uma vez que a atividade amplia a visão e conhecimentos em variados assuntos, como controle de queimadas, coibição da caça, recuperação de áreas e promoção de campanhas educativas para preservação do meio ambiente.

Qual é a sua impressão?
Amei
0%
Curti
100%
Não Gostei
0%
Sobre o Autor
Celulose Online
Celulose Online
Comentários
Deixe um Comentário

Deixe um Comentário